Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
 Ponte suspensa no Parque Natural de Fragas do Eume em A Corunha, Galiza

Cinco recantos naturais da Galiza para descobrir

Galiza

Se você viajar a esta região do noroeste da Espanha, pensará que é o lugar perfeito para desconectar. Sua gastronomia, sua cultura, seus povoados e, sobretudo, suas paisagens são verdadeiramente únicos. A Galiza tem lugares famosos como a incrível praia de Las Catedrales, assim como com lugares menos conhecidos, situados em plena natureza e que tiram o fôlego com a sua beleza. Aqui você descobrirá cinco recantos ideais para desfrutar do esporte, de saídas ao ar livre e do birdwatching. Você estará na conhecida como “Espanha Verde”. É o momento de respirar profundo e deixar-se levar pela tranquilidade.

  • Parque Natural do Complexo dunar de Corrubedo e Lagunas de Carregal e Vixán em A Corunha, Galiza

    A maior duna da Galiza

    No Parque Natural do Complexo dunar de Corrubedo e Lagunas de Carregal e Vixán você achará a maior duna da Galiza em constante movimento. O vento é o responsável por modelar este complexo dunar, delimitando a seu bel-prazer suas fronteiras. Para protegê-la, está proibido caminhar por ela, ainda que se você viajar por esta região vai poder desfrutar das rias de Arousa, Muros e Noia; de lagunas como as de Vixán (de água doce) e as de Carregal (água salgada) ou das praias como O Vilar e A Ladeira. Dentro do parque você encontrará excelentes mirantes como os de Pedra da Rá e de Castro da Cidá e o dólmen megalítico de Axeitos. A 20 quilômetros ao norte você pode visitar também o Castro de Baroña, o melhor conservado da Galiza. E se é um apaixonado do birdwatching, Corrubedo é um enclave ideal graças a seu grande atrativo ornitológico. Na laguna de Vixán há um observatório de aves de onde você poderá ver patos, cormorões, cisnes, garças reais, etc. Baixando o app de Birding Galicia você terá acesso aos melhores itinerários para desfrutar desta atividade.

  • Parque Natural de Fragas do Eume em A Corunha, Galiza

    Um dos bosques atlânticos de ribeira melhor conservados da Europa

    No Parque Natural das Fragas do Eume o rio do mesmo nome é o responsável por todas as tonalidades de verde que você encontrará em suas trilhas ladeadas por olmos, sobreiros e carvalhos centenários. Todo um exemplo de bosque autóctone na faixa litoral galega.Esta perfeita conservação deve-se em grande parte a que em seus 9.000 hectares habitam menos de 500 pessoas. Por que cada vez que alguém caminha por algum de seus oito roteiros sinalizados para a caminhada (como o de Encomendeiros ou o roteiro de Os Cerqueiros), se sente como se estivesse adentrando em uma terra virgem.Escondido no interior do bosque, você encontrará o Mosteiro de Caaveiro, com mais de 10 séculos de história e umas vistas espetaculares. E outra curiosidade: o parque conta com o Parque Eólico Experimental Sotavento, dedicado à divulgação sobre energias renováveis.Se em vez de caminhar você prefere remar, poderá subir a um caiaque e percorrer o parque ao longo dos 10 quilômetros do rio Frei Bermuz até sua confluência com o Eume. Além disso, neste parque há catalogadas quase 30 espécies de anfíbios e répteis, 103 espécies de aves e 41 de mamíferos, entre os que destaca o gato montês.

  • Parque Natural de Baixa Limia – Serra do Xurés em Ourense, Galiza

    Um reduto de história e natureza selvagem

    A natureza do Parque Natural de Baixa Limia – Serra do Xurés pode-se desfrutar de muitas formas. Se você gosta de descobrir novas espécies de plantas e animais, neste espaço, que em 2009 foi declarado Reserva da Biosfera, encontrará mais de 150 espécies de aves, 117 espécies florais endêmicas como o lírio de Xurés; e também a autóctone vaca cachena.Você quer praticar caminhada? O caminho natural Via Nova é como uma viagem no tempo, já que passa pelo que foi uma estrada romana com mais de 2.000 anos de história. Por outro lado, os caminhos de O Xurés, adaptados a todos os níveis, oferecem paisagens sem igual, onde os rios e os povoados com encanto são os protagonistas. Você vai encontrar maravilhas como a cascata de A Fecha ou aldeias surpreendentes como Casolas, construída em um terreno com 20% de inclinação.Além disso, o centro BTT Serra do Xurés propõe a você nove roteiros que contam com mais de 250 quilômetros. Destacam o roteiro Megalítico e o do Parque Florestal de Outeiro de Cela.Mais informações: https://www.turismo.gal/

  • Parque Natural O Invernadeiro em Ourense, Galiza

    Natureza em que o tempo se deteve

    Por volta de 6.000 hectares nos que desfrutar com os cinco sentidos da natureza; assim é o Parque Natural O Invernadeiro, o coração de uma bela região montanhosa praticamente despovoada.Os rios Ribeira Grande e Ribeira Pequena foram os encarregados de, durante milhares de anos, criar esta paisagem sem igual. Um parque natural que se tornou o lar de cervos, gamos, cabras montesas, muflões e camurças, que você poderá encontrar atravessando o caminho dos Cercados. Com um pouco de sorte, você observará não só águias, falcões e abutres pretos, mas também poderá descobrir algumas das matilhas de lobos que habitam estes montes.Se você gosta de andar de bicicleta, junto ao parque há um centro BTT, que conta com mais de 240 quilômetros através de 12 percursos únicos, adaptados a todos os níveis e com todos os tipos de serviços.Não pode faltar uma fotografia no Santuário barroco de As Ermidas, pendurado no monte entre ladeiras de vinhedos. 

  •  Mirante no Parque Natural Serra da Enciña da Lastra em Ourense, Galiza

    O Mediterrâneo na Galiza

    Você leu bem. Uma paisagem com tons mediterrâneos em plena província de Ourense. O Parque Natural Serra da Enciña da Lastra deve seu nome à grande azinheira que durante centenas de anos serviu como ponto de referência para os viajantes que atravessavam estas terras.Seu clima mediterrâneo e seus solos calcários deram lugar a um ambiente sem igual, onde as cavernas são uma atração para espeleólogos e historiadores, já que se encontraram restos arqueológicos da Idade do Bronze. Se lhe interessa este assunto, poderá obter mais informação no centro de visitantes que está em Covas e Biobra. Prepare-se também para encontrar prados perfumados com o aroma do tomilho silvestre e mais de 25 espécies de orquídeas.E se em vez das cavernas, você gosta mais de observar o céu, poderá converter-se em um ornitólogo enquanto contempla com seus binóculos águias-reais ou falcões peregrinos. Isto se deve a que este parque é o habitat da maior concentração de aves que nidificam da Galiza. O melhor é que você poderá observá-las enquanto percorre os caminhos (a pé e de carro) que atravessam o parque natural.

Descubra mais sobre...